Resultado da busca de tratamento em Notícias

IA pode ser útil no gerenciamento de polifarmácia

ChatGPT demonstra potencial no gerenciamento de polifarmácia e na desprescrição de medicamentos entre idosos, segundo estudo publicado online em 18 de abril no Journal of…

Medicamentos para HIV Podem Reduzir o Risco de Doença de Alzheimer? Um Estudo Promissor Revela Novas Possibilidades

Pesquisadores do Sanford Burnham Prebys Medical Discovery Institute em La Jolla, CA, sugerem que medicamentos comumente usados no tratamento do HIV podem oferecer novas oportunidades no tratamento da doença de Alzheimer. Este artigo explora o estudo publicado na revista Pharmaceuticals, que analisou os efeitos dos inibidores da transcriptase reversa em mais de 225.000 indivíduos, mostrando uma redução significativa na ocorrência de Alzheimer entre os participantes.

Uso de agonistas do receptor GLP1 não parece aumentar o risco de câncer de tireoide

Um estudo publicado em 10 de abril no The BMJ indica que o uso de agonistas do receptor de peptídeo-1 semelhante ao glucagon (GLP1) não…

Desafios na Vacinação de Bebês Expostos a Infliximabe

Recentes orientações da Agência Europeia de Medicamentos (EMA) desaconselham o uso de vacinas vivas em bebês expostos in utero ao infliximabe, um medicamento anti-TNF frequentemente utilizado no tratamento de doenças inflamatórias imunomediadas como a doença inflamatória intestinal (DII). Este artigo explora as complexidades e as implicações dessas recomendações, destacando a necessidade de uma base de evidências robusta e práticas informadas para a vacinação desses bebês.

Risco de Mortalidade Pós-Chikungunya no Brasil: Estudo de Coorte e Série de Casos Autocontrolados

O quê? Este estudo investigou o risco de morte nos dois anos subsequentes ao diagnóstico de doença pelo vírus Chikungunya, usando uma coorte de 100…

Síndrome de Sjögren: uma perspectiva neurológica

A Síndrome de Sjogren (SS) é uma doença autoimune complexa que afeta as glândulas salivares e lacrimais, causando sintomas de ressecamento (sicca). Além disso, ela pode apresentar manifestações neurológicas que impactam o sistema nervoso. É importante, nesse sentido, conhecer os aspectos neurológicos da SS, incluindo o envolvimento do sistema nervoso periférico e central, com foco em diagnóstico, tratamento e prognóstico.

Papel de destaque da enfermagem contra HIV/AIDS, tuberculose, hepatites virais e ISTs

A enfermagem desempenha um papel fundamental no combate a doenças infecciosas, como o HIV/AIDS, tuberculose, hepatites virais e infecções sexualmente transmissíveis (ISTs). O atendimento clínico eficiente e a atuação dos profissionais de enfermagem são essenciais para prevenir a propagação dessas doenças e garantir o cuidado adequado aos pacientes atendidos. Como os números de casos de HIV/AIDS (1.088.536), tuberculose (68.271), hepatites virais (718.651) e sífilis ( 1.035.942) são alarmantes, é importante entender como a enfermagem tem se destacado no enfrentamento dessas doenças no Brasil.

Estratégias de Tratamento para Crohn: Comparação Top-Down vs. Step-Up no Estudo PERFIL

O quê? Este estudo, intitulado “A biomarker-stratified comparison of top-down versus accelerated step-up treatment strategies for patients with newly diagnosed Crohn’s disease (PROFILE)”, é um…

Os avanços no tratamento do câncer no Brasil através da terapia celular

A terapia celular, através de técnicas como a utilização de células CAR-T, surge como uma promissora abordagem no tratamento do câncer, oferecendo uma esperança para pacientes e apresentando desafios para profissionais de saúde. Neste artigo, exploraremos os avanços recentes e as perspectivas da terapia celular contra o câncer no Brasil, destacando as conquistas, desafios e o impacto desses desenvolvimentos na prática clínica. Compreender o cenário atual da terapia celular no país é essencial para promover o acesso a tratamentos inovadores e melhorar os resultados para os pacientes que enfrentam essa doença.

Março Roxo marca a conscientização sobre os direitos da pessoa com Epilepsia

Em 26 de março, anualmente, as pessoas são convidadas a usar o cor roxa como parte de um esforço internacional dedicado à conscientização sobre a epilepsia. Essa ação faz parte da campanha Março Roxo, promovida pelo Ministério da Saúde, que busca alertar para a importância dessa temática e para o diagnóstico precoce da doença. Neste artigo, vamos conhecer mais sobre as crises epilépticas, os tipos de convulsão, além do diagnóstico e tratamento.
1 2 3 5

Tópicos em alta

NEWSLETTER MEDICTALKS As principais tendências que vão impactar a sua prática diária, através de conteúdos exclusivos diretamente em sua caixa de e-mails.