Artigos

Chikungunyia: atualização epidemiológica e do manejo clínico

Escritor Flávio P. BrandtRevisor Dr. Alexandre Barbosa Naime

Pertencente à família Togaviridae, do gênero Alphavirus, a chikungunya é uma importante arbovirose, causada pelo chikungunya vírus (CHIKV), e transmitida pela picada das fêmeas dos mosquitos do gênero Aedes (aegypti e albopictus) infectadas pelo vírus.1 O primeiro caso em território nacional foi identificado no Rio de Janeiro, em 2010, em um paciente que retornava da Indonésia, país endêmico para a infecção.2 Já os primeiros casos autóctones identificados no Brasil foram registrados no segundo semestre de 2014, inicialmente nos estados do Amapá e Bahia.1 Atualmente, todos os demais estados do país já registraram casos autóctones da infecção pelo CHIKV.1Apenas no ano de 2021, até o final do mês de novembro, foram notificados cerca de 93.043 casos prováveis de chikungunya no país, resultando numa taxa de incidência de 43,6 casos por 100 mil habitantes, números que correspondem a um aumento de 33,2% dos casos em relação ao ano de 2020.3 A maior incidência foi apresentada pela região Nordeste, seguida pelas regiões Sudeste ...

Quer continuar lendo?

Crie seu cadastro na Medictalks para ter acesso ao conteúdo do nosso blog na íntegra.